Gadget do Dia: Varinha de Levitação

Nem precisei de ler mais nada… tinha levitação no nome, logo: QUERO!

Vejam o que podem fazer com o:

Fly Stick Van de Graaff Levitation Wand

É um gerador de electricidade electro-estática, que permite que mantenham aqueles objectos em Mylar a flutuar no ar…

… podiam aplicar o mesmo conceito aos automóveis, ou pelo menos a uma “hover-board”, não? 🙂

Anúncios
por Helder Gonçalves Publicado em Sem categoria

Gadget do Dia: Varinha de Levitação

Nem precisei de ler mais nada… tinha levitação no nome, logo: QUERO!

Vejam o que podem fazer com o:

Fly Stick Van de Graaff Levitation Wand

É um gerador de electricidade electro-estática, que permite que mantenham aqueles objectos em Mylar a flutuar no ar…

… podiam aplicar o mesmo conceito aos automóveis, ou pelo menos a uma “hover-board”, não? 🙂

por Helder Gonçalves Publicado em 1

Microsoft Surface SecondLight

Como se não bastasse o show dado pelo Surface, a Microsoft não quer deixar de inovar, e a nova geração – entitulada SecondLight já demonstrou ser capaz de continuar a maravilhar o público (mesmo aqueles que já conhecem o Surface.)

O SecondLight utiliza o mesmo conceito do Surface original mas introduz uma alteração significativa que possibilita toda esta “magia”. O painel onde as imagens são projectadas é feito de um material capaz de alternar entre o estado transparente e o estado translúcido centenas de vezes por segundo.

Isto possibilita que as imagens sejam projectadas no tampo da mesa, assim como atravessarem-na e serem projectados em objectos acima dela. Como isto acontece centenas de vezes por segundo, os nossos olhos vêem duas imagens distintas, uma na superfície da mesa, outra no objecto.

O sistema é capaz de detectar e corrigir as diferenças de perspectiva de forma a que a imagem projectada esteja sempre “correcta.”

Não é comum vermos algo que nos impressione – neste mundo repleto de novidades – mas este SecondLight sem dúvida merece um “Uau!” 🙂

por Helder Gonçalves Publicado em Sem categoria

Microsoft Surface SecondLight

Como se não bastasse o show dado pelo Surface, a Microsoft não quer deixar de inovar, e a nova geração – entitulada SecondLight já demonstrou ser capaz de continuar a maravilhar o público (mesmo aqueles que já conhecem o Surface.)

O SecondLight utiliza o mesmo conceito do Surface original mas introduz uma alteração significativa que possibilita toda esta “magia”. O painel onde as imagens são projectadas é feito de um material capaz de alternar entre o estado transparente e o estado translúcido centenas de vezes por segundo.

Isto possibilita que as imagens sejam projectadas no tampo da mesa, assim como atravessarem-na e serem projectados em objectos acima dela. Como isto acontece centenas de vezes por segundo, os nossos olhos vêem duas imagens distintas, uma na superfície da mesa, outra no objecto.

O sistema é capaz de detectar e corrigir as diferenças de perspectiva de forma a que a imagem projectada esteja sempre “correcta.”

Não é comum vermos algo que nos impressione – neste mundo repleto de novidades – mas este SecondLight sem dúvida merece um “Uau!” 🙂

por Helder Gonçalves Publicado em 1

Microsoft detalha Windows 7 e Web Office

Tal como era de esperar a Microsoft mostrou na Professional Developers Conference a primeira beta preliminar do Windows 7, o sucessor do actual Windows Vista. Os participantes no evento e os programadores serão os primeiros utilizadores a experimentar as capacidades do sistema operativo, anunciou a empresa na conferência.

No evento, Ray Ozzie apresentou ainda um pacote simplificado do Microsoft Office, o Web Office, ou Office 14. Tratam-se de versões mais básicas do Word, Excel, PowerPoint e OneNote para utilização a partir de browsers normais.

Segundo a empresa, a ideia destas aplicações, que irão concorrer com o pacote Google Docs, foca-se na possibilidade de um cliente poder utilizar, editar e gerir os arquivos do Office a partir de um computador normal, através do browser, ou pelo telemóvel, sem perda de compatibilidade de ficheiros.

A Microsoft explica que estas ferramentas permitirão seguir a filosofia da empresa para o próximo sistema operativo: diminuir o número de aplicações pré-instaladas no software e potenciar as suas capacidades online.

A fabricante deverá colocar a suite de produtividade disponível através do Office Live, embora tenha optado por não desvendar se a utilização dos produtos estará sujeita a subscrição ou será gratuita e sustentada por publicidade.

Veja um vídeo com uma demonstração do Office Live.

http://rd3.videos.sapo.pt/play?file=http://rd3.videos.sapo.pt/uAgr4tKjuMddVZlySsiH/mov/1

por Helder Gonçalves Publicado em Sem categoria